Bolsa Família 2023: Renda Estável para uma Vida Sem Apertos!

O Bolsa Família está de volta! Confira aqui as principais informações sobre o novo Bolsa Família e saiba como receber.

O Bolsa Família está de volta, trazendo uma chance valiosa para você! Este programa oferece um auxílio financeiro mensal que pode fazer toda a diferença em sua vida. 

Seu objetivo é ajudar famílias a superar as dificuldades financeiras e ter um futuro melhor. Não quer perder tempo? Então, saiba como receber o auxílio agora mesmo!

Se você quer saber mais sobre o Bolsa Família 2023 e entender os valores e as novas regras, confira tudo isso abaixo!

Sobre o Bolsa Família

Criado em 2003, o Bolsa Família é um programa de transferência de renda do governo federal brasileiro, com o objetivo de ajudar famílias que vivem em situação de pobreza e extrema pobreza a superar a miséria.

Por uns anos, o programa passou a se chamar Auxílio Brasil. No entanto, com a volta do governo Lula, o mesmo voltou a se chamar Bolsa Família.

Desde a sua criação, ele tem sido considerado um importante instrumento de combate à pobreza no Brasil, tendo impacto significativo na redução da desigualdade social e na melhoria das condições de vida das famílias beneficiárias.

Além disso, o Bolsa Família tem contribuído para a inclusão social e para o fortalecimento da cidadania das famílias mais vulneráveis.

Valor do novo Bolsa Família 2023

O novo Bolsa Família tem beneficiado cerca de 21 milhões de famílias. Em sua nova versão, o programa assegura o repasse mínimo no valor de R$ 600.

Além do repasse mínimo, o programa assistencialista também garante o Benefício Primeira Infância, no valor adicional de R$ 150. Esse valor adicional é destinado para cada criança com idades entre 0 e 6 anos na composição familiar.

Há ainda um outro adicional no valor de R$50 para cada integrante da família com idade entre 7 e 18 anos e para gestantes. No entanto, o mesmo só começará a ser pago a partir de junho desse ano.

Ou seja, é possível receber até R$ 800 com o Bolsa Família, somando o repasse mínimo e o valor adicional do Benefício Primeira Infância.

Calendário de pagamento do Bolsa Família 2023

É através do calendário Bolsa Família 2023 que as famílias beneficiárias conseguem verificar a data em que irá receber o benefício.

Essa tabela é atualizada anualmente e é definida de acordo com o último número do NIS. De modo geral, os pagamentos são disponibilizados na sequência de 1 a 0, durante os últimos dez dias úteis de cada mês.

Porém, há uma exceção durante o mês de dezembro. Nesse último mês do ano, todos os pagamentos ocorrem até o dia 22.

A seguir, confira o calendário atualizado:

Final do NISJaneiroFevereiroMarçoAbrilMaioJunhoJulhoAgostoSetembroOutubroNovembroDezembro
118/0113/0220/0314/0418/0519/0618/0718/0818/0918/1017/1111/12
219/0114/0221/0317/0419/0520/0619/0721/0819/0919/1020/1112/12
320/0115/0222/0318/0422/0521/0620/0722/0820/0920/1021/1113/12
423/0116/0223/0319/0423/0522/0621/0723/0821/0923/1022/1114/12
524/0117/0224/0320/0424/0523/0624/0724/0822/0924/1023/1115/12
625/0122/0227/0324/0425/0526/0625/0725/0825/0925/1024/1118/12
726/0123/0228/0325/0426/0527/0626/0728/0826/0926/1027/1119/12
827/0124/0229/0326/0429/0528/0627/0729/0827/0927/1028/1120/12
930/0127/0230/0327/0430/0529/0628/0730/0828/0930/1029/1121/12
031/0128/0231/0328/0431/0530/0631/0731/0829/0931/1030/1122/12

Quem pode receber o Bolsa Família em 2023?

Para receber o Bolsa Família 2023, é preciso atender aos requisitos estabelecidos pelo Governo Federal. Ou seja, não é qualquer pessoa que poderá receber o benefício.

De acordo com o site oficial do Governo Federal, a principal regra para ter direito ao Bolsa Família é que a família tenha renda mensal de até R$ 218 por pessoal.

Para receber o Bolsa Família, a principal regra é que a família tenha renda mensal de até R$ 218 (duzentos e dezoito reais) por pessoa. Isso significa que toda a renda gerada pelas pessoas da família, por mês, dividida pelo número de pessoas da família, deve ser de, no máximo, R$ 218.

Fonte: Gov.com

É importante salientar que, além do critério de renda, há também outras exigências cobradas, como por exemplo:

  • Frequência escolar para crianças e adolescentes entre 4 e 17 anos;
  • As gestantes precisam estar com o pré-natal em dia;
  • Acompanhamento nutricional das crianças até 6 anos;
  • O caderno de vacinação precisa estar atualizado.

Como fazer a inscrição para receber o Bolsa Família?

Assim como em todo o programa, para receber o Bolsa Família é necessário se inscrever. Para facilitar a vida de milhares de brasileiros que precisam desse benefício, o Governo Federal disponibiliza uma inscrição sem burocracias.

No entanto, apesar de não ser burocrático, o processo de inscrição é sério e requer que o solicitante seja sincero em todos os seus dados.

É no processo de solicitação, que o governo irá analisar todos os dados e, posteriormente, aprovar ou não o benefício. Sendo assim, é de suma importância informar dados verdadeiros e válidos.

Shirlayne Thayse
Escrito por

Shirlayne Thayse

Por favor, aguarde…

0