Como solicitar o Seguro-Desemprego e receber o benefício até 5 meses

O Seguro-Desemprego é de direito de todos os trabalhadores demitidos sem justa causa. Saiba aqui como solicita-lo!

Os trabalhadores com carteira assinada que foram demitidos sem justa causa têm direito a receber o Seguro-Desemprego. O benefício garante ao trabalhador o pagamento de três a cinco parcelas, que variam de acordo com o período trabalhado por ele. Você se encaixa nessa situação? Então continue nos acompanhando e saiba como solicitar o Seguro-Desemprego!

O Seguro-Desemprego é de direito de todo o trabalhador que foi demitido sem justa causa. Ele garante que esse trabalhador possa ficar recebendo um auxílio durante três a cinco meses.

Essa é uma forma que o governo encontrou de garantir que o trabalhador não fique desassistido após a demissão.

Quer saber como solicitá-lo? Então siga nos acompanhando, pois trouxemos todas as informações referentes a este processo.

Quando solicitar o Seguro-Desemprego?

Muitas pessoas têm dúvidas sobre quando é necessário solicitar o Seguro-Desemprego após a demissão sem justa causa. É importante salientar que para cada perfil de trabalhador, há um prazo para fazer essa solicitação.

Por isso, listamos abaixo cada um desses casos com os seus respectivos prazos. Confira:

  • Trabalhador com carteira assinada: Entre 7 e 120 dias após a data de demissão;
  • Funcionário doméstico: Entre 7 a 90 dias após a demissão;
  • Pescador: Pode solicitar o benefício durante o período de defeso (quando as atividades de pesca são proibidas), em até 120 dias do início da proibição;
  • Empregado afastado para qualificação: Pode pedir o seguro-desemprego durante a suspensão do contrato de trabalho;
  • Trabalhador resgatado da condição semelhante à de escravo: Pode solicitar o seguro até 90 dias após o resgate.

Passo a passo de como solicitar o Seguro Desemprego

Agora que você já sabe qual é o prazo para a solicitação do Seguro-Desemprego, chegou o momento de conferir como é que funciona este procedimento.

Para que as pessoas possam solicitar da forma que melhor lhe atende, o Governo Federal disponibiliza duas opções: pelo site, pelo aplicativo e por telefone. Ambas as opções são 100% online e segura. Em apenas alguns minutos o trabalhador que tem direito ao benefício consegue entrar com o pedido para posteriormente, começar a recebê-lo.

A seguir, elaboramos um simples passo a passo para que você entenda como funciona cada uma das formas de solicitação. Siga-o e faça já o seu pedido:

Pelo site

  • Acesse o portal Gov.br;
  • Selecione a opção “Entrar” que fica do lado superior da tela;
  • Agora informe o seu CPF e clique em “Avançar”;
  • Faça login e clique em “Entrar”;
  • Na página aberta, clique em “Benefícios” disponível no menu inferior;
  • Em “Seguro Desemprego”, clique em “Solicitar”;
  • O sistema irá solicitar o número do requerimento do seguro-desemprego (o número, de dez dígitos, está registrado no formulário entregue pelo empregador). Informe e clique em “Localizar”;
  • Na parte de “Vínculos”, verifique todas as informações referentes a empresa na qual você trabalho e selecione o botão “Avançar”;
  • Aceite os termos e condições;
  • Envie a sua solicitação e finalize o procedimento.

Pelo aplicativo

  • Faça o download do app Carteira de Trabalho Digital – disponível na versão Android ou versão iOS;
  • Com o aplicativo baixado, clique na opção de Cadastrar para ter a senha de acesso. Informe os dados necessários e siga as instruções;
  • Com a senha de acesso em mãos, volte para a tela inicial e informe o seu CPF e senha;
  • Selecione a opção “Entrar”;
  • Entre em “Benefícios”;
  • Na opção Seguro-Desemprego, clique em “Solicitar”;
  • Agora informe o número do requerimento do seguro-desemprego (o número, de dez dígitos, está registrado no formulário entregue pelo empregador) e clique em “Localizar”;
  • Confira os dados da empresa na qual você trabalhou;
  • Aceite os termos e condições, e envie a sua solicitação.

Por telefone

Esta opção, assim como as outras, é totalmente gratuita se feita por telefone fixo. O trabalhador que optar por solicitar o Seguro-Desemprego por telefone, basta apenas ligar para o número 158 (Alô Trabalho) e solicitar ao atendente o serviço.

Documentos necessários

Em todas as formas de solicitação do Seguro-Desemprego, são solicitados alguns documentos para dar prosseguimento ao serviço.

No geral, o trabalhador precisa ter em mãos:

  • equerimento do seguro-desemprego ou comunicação de dispensa, fornecidos pela empresa de onde saiu termo de rescisão de contrato de trabalho carteira de trabalho extrato do FGTS identificação de inscrição no PIS/Pasep documento de identificação com foto, como RG ou carteira de motorista CPF Número do PIS Comprovante de endereço

Quanto tempo demora para ser pago?

Após o envio do pedido, os trabalhadores ficam ansiosos para saber quando vão recebê-lo, não é mesmo?!

A primeira parcela deste benefício é liberada 30 dias após a requisição ou saque da parcela anterior.

Pagamento do Seguro Desemprego

O Governo Federal libera de três a cinco parcelas do seguro para os trabalhadores demitidos sem justa causa, que têm direito e que entraram com o pedido do benefício.

O pagamento é feito de três formas diferentes. Para todas elas, é necessário estar com o cartão cidadãos em mãos. Com ele, é possível receber o benefício em lotéricas, correspondentes Caixa Aqui e caixas eletrônicos da Caixa Econômica Federal em dinheiro, em uma agência da Caixa por meio de depósito em conta corrente ou em conta poupança para clientes da Caixa.

Em quantas parcelas são pagas o Seguro Desemprego?

Assim como mencionamos no tópico anterior, o trabalhador que tem direito à este benefício recebe entre três e cinco parcelas.

Vale lembrar que a quantidade de parcelas varia de acordo com quantas vezes o trabalhador já fez o pedido, assim como também o tempo de trabalho antes da demissão.

Shirlayne Thayse
Escrito por

Shirlayne Thayse

Por favor, aguarde…

0