×

Entenda como solicitar o Auxílio Vale Gás Agora.

Requisitos, valores e mais.

 

COMO SOLICITAR

Vale Gás: Saiba quem tem direito e como pedir o benefício

Saiba como funciona o Vale Gás, quem tem direito e como solicitar o benefício! 

publicidade

É aprovado o projeto de lei que traz liberação de continuação do benefício Vale Gás. O benefício é destinado às pessoas de baixa renda. Tem como objetivo auxiliar essas famílias e agora aguarda sanção presidencial. 

Com a pandemia da Covid-19, muitas famílias passaram a precisar ainda mais dos benefícios pagos pelo Governo Federal. O Auxílio Emergencial, Bolsa Família e outros programas assistenciais vêm se mostrando cada vez mais necessários nesses últimos anos. 

publicidade

Com o aumento recorrente dos preços de itens básicos, vem ficando mais difícil para as famílias brasileiras se manterem em um nível confortável de subsistência.

Um desses itens tão necessários em nosso dia a dia, é inclusive o gás de cozinha, produto crucial para que as famílias possam cozinhar e, assim, se alimentar diariamente. 

Vale Gás

publicidade

Para ajudar as pessoas que vivem em situação de pobreza e assim auxiliar numa melhor qualidade de vida, foi criado o Vale Gás. 

Ao longo deste artigo, entenda melhor como o mesmo funciona! 

Como funciona o Vale Gás?

Vale Gás ou “Auxílio Gás”, como também é conhecido, é um cartão que tem como objetivo principal ofertar uma ajuda de custo para a compra do botijão de gás. 

Atualmente, diversos estados brasileiros beneficiam as famílias de baixa renda com o auxílioO valor varia de estado para estado, mas geralmente, fica entre R$50,00R$100,00. 

É um auxílio disponibilizado pelo Governo Federal e Estadual para as famílias que vivem em situação de extrema pobreza, onde não têm nenhuma fonte de renda para conseguir comprar o botijão. 

Atualmente, diversos estados brasileiros disponibilizam esse benefício. Entretanto, as regras de funcionamento variam de estado para estado.


Quem tem direito ao Vale Gás?

As regras mudam de estado para estado. Portanto, é de suma importância se manter informado com a Prefeitura da sua cidade. 

De modo geral, o Vale Gás é um auxílio destinado para as pessoas que não têm condições financeiras de comprarem o botijão. Geralmente, têm direito as famílias inscritas no Cadastro Único, mas que não recebem o Bolsa Família ou atual Auxílio Brasil. 

Confira a seguir os requisitos cobrados na maioria dos estados brasileiros:

  • Possuir renda per capita menor ou igual a meio salário mínimo;
  • Famílias que tenham entre os integrantes pessoa que receba o Benefício de Prestação Continuada (BPC);
  • Ter o cartão Mais Infância.

Além dos requisitos principais mencionados acima, o projeto de lei aprovado recentemente menciona que o auxílio será pago preferencialmente à mulher chefe de família.


Valor do Vale Gás

O valor do Vale Gás varia de estado para estado. De acordo com o projeto de lei aprovado que aguarda sanção presidencial, o auxílio corresponderá a 50% do valor do botijão comercializado na região.

Atualmente, em São Paulo, por exemplo, os beneficiários recebem três parcelas de R$100,00, a cada dois meses para que possam comprar o botijão. 

No Acre, os beneficiários têm direito a R$150 por três meses, enquanto no Piauí os cadastrados recebem R$200 por mês. Santa Catarina paga um valor ainda mais alto: três parcelas de R$300. 

No entanto, os valores mencionados poderão sofrer mudança de acordo com a nova sanção presidencial.


Como solicitar o benefício?

Para solicitar o Vale Gás não é necessário uma inscrição específica no benefício e sim que o interessado ou representante familiar esteja inscrito no CadÚnico e com seus dados atualizados. 

Portanto, caso você ainda não esteja inscrito, é preciso comparecer ao Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) da sua cidade ou designar um representante familiar maior de 16 anos e preferencialmente mulher, para realizar a inscrição.

Os documentos que devem ser apresentados para inscrição no CadÚnico são:

  • Certidão de Nascimento; ou
  • Certidão de Casamento; ou
  • CPF; ou
  • Carteira de Identidade – RG; ou
  • Carteira de Trabalho; ou
  • Título de Eleitor; ou
  • Registro Administrativo de Nascimento Indígena (RANI) – somente se a pessoa for indígena.

Vale ressaltar que para se inscrever no CadÚnico faz-se necessário observar alguns requisitos:

  • Ter renda mensal familiar de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 550,00);
  • Ter renda bruta mensal de até três salários mínimos (R$ 3.300,00); ou
  • Ter renda maior que três salários mínimos, desde que o cadastramento esteja vinculado à inclusão em programas sociais nas três esferas do governo;
  • Estar em situação de rua, sozinha ou com a família.

Desta forma, estando com situação regular de inscrição no CadÚnico e cumprindo as exigências de rendimento, automaticamente você será beneficiado com o auxílio do Vale Gás.

Para notícias atualizadas sobre os programas sociais do governo, continue acompanhando nosso site!

Fernanda Camargo
Especialista em produção de conteúdo para web desde 2018, atua como redatora do portal, compartilhando informações atualizadas sobre todos os tipos de inscrição nos mais variados assuntos como escolas, programas de TV e demais assuntos.