Como contratar o financiamento imobiliário Sicoob

Se você decidiu que é a hora de dar adeus ao aluguel, saiba que o financiamento imobiliário Sicoob é uma das opções disponíveis no mercado para te ajudar na realização deste sonho!

Com ele, é possível encontrar facilidades para financiar a aquisição de imóveis residenciais novos ou usados, a compra de terrenos ou a construção em terreno próprio. No caso, será possível financiar até 80% do valor do imóvel.

Além disso, o cliente poderá escolher uma das opções de indexadores disponíveis, e contar com um simulador online. Ficou interessado? Então, acompanhe todos os detalhes dessa oferta a seguir!

Regras para contratar o financiamento Sicoob

Assim como outros produtos financeiros, a linha de crédito imobiliário possui regras e requisitos que devem ser cumpridos pelos clientes que desejam adquirir um imóvel residencial. Por isso, a Sicoob possui algumas regras que devem ser seguidas pelos interessados.

São elas:

  • Ser associado ao Sicoob;
  • Estar com os documentos regularizados;
  • Ter acesso à internet para fazer a simulação
  • Caso deseje usar o saldo FGTS, deverá seguir as regras do uso do benefício.

Quais são os documentos necessários?

Como dito acima, o cliente deverá estar com os documentos regularizados. Isso porque a Sicoob irá solicitá-los para dar andamento à sua contratação. A princípio, é exigida a seguinte documentação:

Para comprador

  • Documento de identificação (RG, CNH ou outro);
  • CPF;
  • Certidão de nascimento (solteiro);
  • Certidão de casamento civil (Casado);
  • Escritura de pacto antenupcial que foi lavrada no cartório de notas e devidamente registrada no cartório de imóveis (caso o regime de casamento for divergente da comunhão parcial de bens, que foi realizado após o ano de 1977);
  • Contrato escrito e registrado em cartório (em caso de vínculo estável) ou declaração de inexistência de Formalização de vínculo estável (que é fornecido pela Cooperativa – Formulário Modelo 30170);
  • Certidão de casamento com averbação do novo estado civil; (divorciado);
  • Homologação judicial ou sentença judicial que ateste o novo estado civil (separado);
  • Certidão de óbito do cônjuge (viúvo);
  • Comprovante de endereço;
  • Comprovante de renda.
  • Proposta de Financiamento Imobiliário (o formulário Modelo 30073, fornecido pela Cooperativa);
  • Declaração Pessoal de Saúde (DPS);
  • Declaração de Pessoa Exposta Politicamente (PEP; o Formulário Modelo 30187 fornecido pela cooperativa).

Para o vendedor

  • Documento de identificação (RG, CNH ou outro);
  • CPF;
  • Comprovante de residência;
  • Certidão de nascimento (solteiro)
  • Certidão de casamento civil (Casado);
  • Escritura de pacto antenupcial, que foi lavrada no cartório de notas e devidamente registrada no cartório de imóveis (caso o regime de casamento for divergente da comunhão parcial de bens, que foi realizado após o ano de 1977);
  • Contrato escrito e registrado em cartório (em caso de vínculo estável) ou declaração de inexistência de Formalização de vínculo estável (que é fornecido pela Cooperativa – Formulário Modelo 30170);
  • Certidão de casamento com averbação do novo estado civil; (divorciado);
  • Homologação judicial ou sentença judicial que ateste o novo estado civil (separado);
  • Certidão de óbito do cônjuge (viúvo);
  • Comprovante de conta-corrente que esteja no nome do vendedor.

Documentos do imóvel

  • Certidão de inteiro teor da Matrícula do imóvel com negativa de ônus reais e pessoais reipersecutórios;
  • Certidão negativa de impostos e Taxas Municipais;
  • IPTU (do ano vigente; capa do carnê, Boletim de Cadastro Imobiliário ou Certidão de valor venal; documento terá que ter informações do imóvel desejado, como identificação e áreas do terreno e da construção);
  • Declaração de inexistência de débitos condominiais e ata de eleição do síndico;
  • Certidão/Declaração Negativa de Foro ou Laudêmio ou Certidão de Autorização de Transferência (CAT; em casos de imóvel foreiro).

Quais são os tipos de imóveis que podem ser financiados?

Atualmente, o financiamento imobiliário Sicoob permite a compra de:

  • Imóveis residenciais (novos ou usados);
  • Terrenos (para aquisição ou construção em terreno próprio).

Passo a passo de como contratar o financiamento imobiliário Sicoob

A princípio, destacamos que o processo de contratação do financiamento imobiliário Sicoob é muito prático e seguro. Isso porque é possível fazer uma simulação e enviar a proposta através do site oficial.

Portanto, vamos mostrar o passo a passo que vai te deixar ainda mais perto de realizar o sonho da casa própria. Confira:

Fonte: Sicoob
  • Em seguida, clique na opção “fazer simulação“;
  • Agora, você deverá informar alguns dados pessoais;
Fonte: Sicoob
  • Feito isso, adicione o valor do imóvel e o número de parcelas que deseja contratar;
  • Forneça mais alguns dados solicitados pelo sistema.

Pronto! O resultado da sua simulação vai aparecer na tela. Então, se estiver de acordo, basta clicar em “continuar” para encaminhar sua proposta para análise da instituição. Aqui, também será necessário informar alguns dados pessoais, como nome completo, data de nascimento e telefone, por exemplo.

Outras informações

Após encaminhar sua proposta, o Sicoob entrará em contato para confirmação da solicitação. Eles farão uma análise do limite e dos documentos.

Antes de liberarem o dinheiro para o vendedor, o cliente deverá registrar o contrato e a Cédula de Crédito Imobiliário no Cartório de Registro de Imóveis. Em seguida, basta entregá-los ao Sicoob.

Contudo, é importante dizer que esta é uma oferta para os associados do Sicoob. Caso alguém faça a contratação através do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), é possível financiar imóveis em todo o Brasil.

Além disso, a cooperativa realiza trabalha com portabilidade de operações, e é possível parcelar o valor solicitado em até 30 anos.

Por fim, lembramos que é possível financiar ainda as despesas cartorárias e o Imposto sobre Transmissão de Bens (ITBI).

Lembre-se de sempre acompanhar a Puretrend para mais novidades e conteúdos como este!